25 de outubro de 2009

Qual será o futuro de Branquinha?

Olha gente, cada vez eu me decepciono mais com o ser humano...

A Branquinha, essa doce e linda cachorrinha já teve sua história contada aqui no blog duas vezes (aqui e aqui) e essas fotos foram tiradas há duas semanas e serviriam para ilustrar mais uma postagem de pedido de adoção, mas tudo muda e agora só Deus pra saber qual será o seu destino...

Ontem logo cedo, enquanto estava na feirinha recebi uma ligação da minha tia (dona da cachorrinha) perguntando se o rapaz que tinha se interessado por ela não tinha mais aparecido (no começo desse mês recebi a ligação de um rapaz que viu a Branquinha no site Olhar Animal e queria adotá-la, marcamos dele vir conhecê-la, mas ele desmarcou e não apareceu mais...), eu disse que achava que ele tinha desistido. Aí ela me disse que então ia dar a cachorra para um homem que queria adotá-la.

Então, eu pedi pra ela fazer o favor de ir até a casa dele pra conhecer e verificar a segurança e se ele tinha condições de tê-la.

Aí ela respondeu: "Vô nada, Jane... vixe, vô nada! Se fosse uma criança, mas um cachorro?! Vô nada!", foi a gota d'água pra eu estourar e dizer algumas verdades... como: "Qual a diferença entre um cachorro e uma criança? Ambos sentem fome, sede e dor (...) Se tivesse castrado a mãe quando eu tinha avisado tudo isso poderia ter sido evitado (...)" entre outras coisas...

Pedi pra pelo menos pegar o nome e o telefone da pessoa que iria adotar e que depois eu iria passar na casa da pessoa pra ver como estavam as coisas, nada feito, disse que não ia pedir esse tipo de informação pra quem está fazendo o "favor" de levar a cachorra (!! Ai... me segura...)

Eu disse pra por favor pedirem essa informação e se a pessoa não quisesse fornecer esses dados que EU pegaria a cachorra pra mim na próxima semana.

Mas os humores estavam à flor da pele e eu realmente duvido que tenham feito isso... nem sei mais qual é a atual situação da cachorrinha... ai meu Deus... que mundo é esse?


Fiquei tão nervosa e irritada... pôxa, eu me comprometi a doá-la... eles só tinham planos de mudar no final do ano... por que essa pressa de repente?

E os sentimentos da filha que gosta da cachorrinha?!

Eu fico realmente decepcionada... esse sentimento de superioridade do ser humano sobre os animais me dá ânsias... me dá nojo!

Eu só espero que a Branquinha esteja bem... que nenhum mal possa acontecer à ela... e que um dia as pessoas que descartam os animais como móveis velhos, possam receber de volta tudo aquilo que fizeram.

E fica aqui também outro recado: se voce tem intenção de adotar um animal, se o seu coração já bateu mais forte por um peludinho, não deixe passar a oportunidade, não perca tempo atrás de algum detalhe banal, tantas coisas podem acontecer... e de repente o que poderia ser uma segunda chance na vida do animal (e das pessoas também) pode acabar antes mesmo de ter começado.

Então é isso, sentiu o coração bater mais forte por um peludinho, ADOTE.

Assim que souber de alguma novidade, trago para voces.

:(

Jana

4 comentários:

Cães e Focinhos disse...

que absurdo querer se livrar do pobre bichinho

Veri Gravina disse...

"Se fosse crianca eu ia..."
Como se abandonar criancas e animais fosse a coisa mais trivial do mundo. Quem quer? Quem quer? Como alguem pode conviver 4 anos com um bichinho sem deixar criar um vinculo familiar???? Jana, vou rezar pela Branquinha.

Aline disse...

Ai que triste :'(

Nem tenho palavras p/ expressar a minha decepção em relação às pessoas que não tem amor pelos animais. Vou divulgar este caso e espero que ela encontre uma boa família.

Beijão!

TRUFAS E TRUFADOS disse...

Puxa, como o ser humano pode ser tão cruel. Não pensa que um dia também vai envelhecer e pode ser que aí ninguém vá querer ficar com ele também?
Ah se minha profissão permitisse ter amiguinhos em casa!!