12 de julho de 2010

Cavalos do CCZ de SP precisam ser adotados!

Gente, ajudem a divulgar esses animais para quem tem amor e condições de dar uma vida boa e digna pra eles...
bjs
Jana
CAVALOS DO CCZ PRECISAM SER ADOTADOS! PRECISAM DE AJUDA URGENTE!

CONTATOS COM: Sônia Fonseca 011- 92993053 Cynthia Fonseca 011-96171853
Podem também enviar recado urgente por E-mail: sozedsp@terra.com.br

"Colegas,

Cavalos e outros animais de grande porte soltos nas ruas podem provocar acidentes fatais. Por outro lado, animais de tração costumam sofrer incríveis abusos e maus tratos por conta da ignorância ou maldade de seus donos. Seja qual for o caso, no município de São Paulo existe a Lei municipal 10.309 (22-04-87) que determina o recolhimento desses animais pelo CCZ-Centro de Controle de Zoonoses de São Paulo.

No primeiro caso, basta notificar o CCZ, que este enviará caminhão de transportes para recolher o animal. Em caso de maus tratos, é mais complicado; é necessário que alguém denuncie, que tome as providências policiais e/ou judiciais cabíveis e depois chame o CCZ.

Os animais apanhados pelo CCZ lá permanecem por cinco dias úteis, aguardando um possível resgate, através de pagamento de multa. Vencido este prazo, são doados a uma Instituição protetora de animais (quem vem se responsabilizando por isso é o Quintal de São Francisco). Através de uma voluntária, os animais serão tratados e depois repassados para pessoas que tenham propriedades rurais (sítios, chácaras ou fazendas fora da área urbana do município), que assinem um termo de compromisso se responsabilizando pelo seu bem-estar. Uma espécie de " fiéis depositários"...

Assinale-se que esse trabalho vem sendo desenvolvido desde 1995, com o advento da Lei municipal 11.887(21-09-95), a qual impede o tráfego de animais na zona urbana do município de São Paulo. Ocorre que os animais, quase sempre cavalos, chegam às dependências da Prefeitura em péssimo estado: desnutridos, infestados de parasitas, doentes, feridos, exauridos...às vezes até mutilados! Fatos que todos nós, protetores e ambientalistas, tão bem conhecemos! Nessas situações, os cavalos irão precisar de trato, assistência médico-veterinária, alimentação. Serão, então, encaminhados a pessoas previamente selecionadas, que preencham os quesitos necessários para cuidar do animal.


PEDIDO: é nesta fase que eu venho recorrer a vocês, que nos ajudem a procurar:
DONOS" RESPONSÁVEIS, que tenham um espaço rural e que possam receber um ou mais cavalos.

Quero ressaltar que este trabalho constitui uma atividade dinâmica, constante, no CCZ. Não tem fim; embarcam-se cavalos, outros estão chegando... Quando o animal é bonito, muita gente quer; os mais feinhos, defeituosos, ficam sobrando, é triste se lembrarmos que as baias são poucas, o espaço é pequeno e que as dificuldades na manutenção dos animais são muitas.

Mais: existem os chamados " amadrinhados", dupla de cavalos (às vezes mais que uma dupla, pode ser mãe e filho) que vieram de uma mesma origem, têm vínculos, uma relação de dependência onde um não vive sem o outro. Nós, protetores, temos sensibilidade para saber que não podemos separá-los, quem levar um vai ter que levar o outro também, mas isso nem sempre acontece, precisamos segurar a situação!


LISTA DE CAVALOS QUE ESTÃO PARA ADOÇÃO NESTA SEMANA:

Cavalos para adoção no CCZ 12-07-2004 – Nº 93- Macho castanho, idoso. Muito dócil, amadrinhado com o nº94, que é uma fêmea castanha, jovem (potra), baixinha. -nº 97-macho tordilho (branco salpicado de cinza). -nº -macho castanho, com um problema na pata anterior direita. Jovem. -nº -macho castanho, jovem, magro, mas pela sua constituição física pode-se dizer que vai ficar lindo! -nº80 fêmea castanha com mancha branca no focinho. É mãe da potra castanho claro, nº 81. A mãe está em estado de prenhez. Mãe e filha são inseparáveis. -nº95 fêmea castanha, jovem (potra). É O CASO MAIS PROBLEMÁTICO, no momento, pois tem uma pata posterior totalmente defeituosa (foi fraturada e consolidada de maneira imprópria) e quadril deslocado. Muito dócil, precisa de carinho e um espaço que tenha sempre gente por perto, não pode ficar solta no campo, pois se cair não pode levantar sem ajuda... É preciso uma pessoa muito sensível para querer este bicho (ela é linda!). -nº98- macho tordilho, ferimento no pescoço que está sendo tratado. Jovem. -nº92-fêmea tordilha, jovem, dócil. Chegou ao CCZ em péssimas condições. Está sendo tratada, fizeram-na levantar...

Pessoal, estes são os casos que temos HOJE. Há um bando aguardando resgate que, se não acontecer em tempo hábil, virá para nossas mãos. Quando saí de lá, o caminhão estava chegando com mais cavalos...

PRECISAMOS DE AJUDA URGENTE!

Podem também enviar recado urgente por E-mail: Sozedsp@terra.com.br
Sônia Fonseca 011- 92993053 Cynthia Fonseca 011-96171853 "

2 comentários:

mariajulisaldanha disse...

ola adoraria seus cavalos , pode me dizer aonde estao?
vc ainda os tem?

emaill

Matheus disse...

Ooi...eu adoro cavalos e queria adotar 1...como faço para adotar??e eu sou de Canoinhas -SC..dai vcs mandam ele pra cá???